- iCrowdNewswire
  • Spain
  • Brazil
  • Russia
  • France
  • Germany
  • China
  • Korea
  • Japan
 
x

RSS Newsfeeds

See all RSS Newsfeeds

Jul 13, 2018 3:20 PM ET

Smart money e capital-anjo impulsionam startups

iCrowdNewswire - Jul 13, 2018

Ainda incipiente, se comparado a países como os Estados Unidos, o desenvolvimento das startups no Brasil se consolida cada vez no cenário organizacional brasileiro. No final de 2017, o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Mundial lançou o Fundo de Coinvestimento Anjo de R$ 100 milhões voltado para startups de diversos setores. No ano passado, houve aumento de 207% (R$ 2,86 bilhões de reais) dos valores concedidos a essas empresas por fundos de venture capital, como mostra um estudo da Associação Latino-Americana de Private Equity & Venture Capital (Lavca). Além de investimentos diretos, outra grande fonte para as companhias novatas é o chamado smart money, que amplia as oportunidades de negócios com empresas renomadas e a expertise para os negócios.

Exemplo dessa estratégia que ainda dribla dificuldades que impactam ganhos comerciais e o desenvolvimento de técnicas, o OKARA Hub – formado pelas empresas Athié Wohnrath, Engeform, Temon e o Grupo GPS – selecionou 13 startups para participar do seu primeiro programa de tração de negócios, voltado a empresas do ramo da engenharia, construção civil, desenvolvimento imobiliário e cidades inteligentes.

Foram mais de 100 inscritos, em pouco mais de um mês, para o projeto que teve início no dia 2 de julho e é equity free e open innovation. As atividades englobam workshops, palestras e mentorias com executivos de renomadas empresas, além da rede de mais de 400 mentores ativos da NXTP.Labs, gestora de venture capital que já impulsionou 400 empreendimentos em toda América Latina. As construtechs selecionadas também receberão o equivalente a R$ 98 mil em tecnologias, serviços profissionais e tração de mercado.

Para Antônio Rezende, entre os participantes com a Gero Obras, a experiência será fundamental para aprimorar a ferramenta que desenvolveu para otimizar recursos utilizados em obras. “Teremos uma excelente oportunidade de trabalhar com grandes empresas do segmento de construção civil, contribuindo para a melhoria dos processos de planejamento e controle da engenharia no Brasil”, antecipa.

Os critérios para a seleção das startups basearam-se nos desafios comuns encontrados pelos parceiros do OKARA Hub e que representam um panorama instigante de criar melhorias para o dia a dia do mercado de construção. “Recebemos propostas com as mais variadas soluções de engenharia, construção civil, desenvolvimento imobiliário e cidades inteligentes. Primamos por escolher e potencializar as iniciativas que trazem resultados para os mais variados processos, com metodologias pensadas dentro de uma visão moderna e disruptiva”, conta Raísa Labarrère, do OKARA Hub.

Além da Gero Obras, as outras 12 selecionadas foram: Controller, ConnectData, Play2Sell, Contraktor, Voca, Ekonowater, dLieve, Levitar Drones, Wistor, Cote Aqui, Intuitive e Construcode. Cada uma apresentando um projeto empreendedor e revolucionário, que contempla as áreas de arquitetura e decoração, contratos, energia, gestão de negócios, economia e sustentabilidade, gestão de condomínios, real state, créditos e soluções financeiras, gestão de obras, gestão de colaboradores, entre outras.

Website: http://okarahub.com.br/pt-br/

Via iCrowdNewswire
Tags: , Wire
View Related News >