Marcas consagradas se rendem ao e-commerce para alavancar vendas – iCrowdNewswire
Spain Brazil Russia France Germany China Korea Japan

Artificial Intelligence driven Marketing Communications

Mar 14, 2019 8:40 PM ET

Marcas consagradas se rendem ao e-commerce para alavancar vendas


iCrowd Newswire - Mar 14, 2019

Hoje em dia, quase nenhuma marca consegue se manter em crescimento sem avançar para o comércio online. Para se ter uma ideia da importância desse segmento, estima-se que, até 2022, o e-commerce brasileiro gere um faturamento estimado em R$ 146 bilhões, segundo o Relatório Global de Pagamentos 2018 da Worldpay Inc.

Até mesmo as grandes marcas têm se rendido a esse canal de vendas. E investido maciçamente em ações para estar cada vez mais em sintonia com os desejos e necessidades do consumidor.

Esse é o caso da Pierre Cardin, até então reconhecida por sua linha masculina no Brasil e que, recentemente, tem desenvolvido sua divisão feminina. Para tanto, investe em ações de marketing para incrementar e difundir suas vendas no e-commerce.

“Em 2018, a Pierre Cardin iniciou as vendas no setor feminino, com foco total em vendas online. Precisamos, então, criar uma estratégia de posicionamento de marca e alcance do consumidor para conquistar o objetivo da marca”, explica Gustavo Gadini, gerente de marketing digital da Agência Zíriga, contratada para alavancar as vendas e elevar a presença da marca no mercado de vestuário feminino brasileiro.

O trabalho da agência Zíriga teve início no desenvolvimento do e-commerce para a marca e, na sequência, passou para o incremento de sua performance digital. “Conseguimos alavancar as vendas de maneira considerável em menos de quatro meses, saindo do zero”, celebra Gustavo.

É exatamente nessa linha que diversas agências têm trabalhado: com o objetivo de construir a autoridade de uma marca no ambiente online. Denominado marketing de performance, esse movimento requer planejamento consistente para gerar resultados no curto, médio e longo prazo.

“Um dos maiores desafios no trabalho com e-commerce é aumentar a conversão em vendas, além de fidelizar a presença do cliente, gerando compras recorrentes”, conta Gustavo, que enfatiza a necessidade de oferecer conteúdo de qualidade – e nos canais certos – de maneira personalizada.

Para os próximos meses, o objetivo da agência que cuida da Pierre Cardin Feminina é ousado: posicionar a marca como referência no setor e escalar pelo menos 50% das vendas da vertente feminina. Se depender das expectativas de e-commerce e das ações da marca, os resultados tendem a ser os melhores.

Website: https://ziriga.com.br/






iCrowdNewswire




Tags:    Wire, Portuguese