- iCrowdNewswire
  • Spain
  • Brazil
  • Russia
  • France
  • Germany
  • China
  • Korea
  • Japan
 
x

RSS Newsfeeds

See all RSS Newsfeeds

Jun 14, 2018 6:00 PM ET

Oftalmologista adverte aos pais sobre uma verdadeira epidemia de miopia

iCrowdNewswire - Jun 14, 2018

Muito se discute sobre a chamada Geração Y, também conhecida como “Nativos Digitais”, grupo de crianças e jovens que nasceram após a popularização da internet em meados da década de 1990.  Pesquisadores das mais diversas áreas estudam os fenômenos comportamentais desse grupo específico de indivíduos que, desde a mais tenra idade, estão conectados, com tablets, smartphones e demais aparelhos com acesso à internet. Se de um lado a tecnologia promove avanços no acesso a informações, por outro é inevitável que essa nova geração renove o quadro de preocupações dos pais.

No campo da saúde os pesquisadores e médicos somam esforços para acompanhar o desenvolvimento dessa geração, um pouco mais sedentária, pouco aberta a comidas saudáveis e com problemas cada vez mais precoces de coluna. Mas, é da oftalmologia que vem o alerta mais latente: horas e horas na frente de dispositivos digitais estão de fato criando uma verdadeira epidemia de miopia pelo mundo.

A oftalmologista Renata Alves (CRM 83.686), diretora técnica da Clínica Oftalmológica In Sight localizada em São Paulo (SP), aponta um dado revelador: “temos uma base de pesquisas que apontam que, crianças com menos tempo de atividades ao ar livre, possuem maiores chances de desenvolver miopia”.  Esse dado, quando aplicado ao padrão de comportamento dessa geração de jovens e crianças hiperconectadas, constroem um cenário muito perturbador para os pais preocupados com a saúde de seus filhos.

Na verdade, se formos analisar historicamente, os casos de miopia dobraram nos últimos 50 anos. Em projeção, estima-se que metade da população mundial sofrerá desse mal até 2050. Nesse ponto a oftalmologista Renata Alves contribui com um dado alarmante: “cerca de 80% dos estudantes chineses e coreanos do ensino médio são míopes! De maneira geral o mundo todo está experimentando, de forma assustadora, o aumento dessa incidência”. Um estudo publicado em 2018 por dois pesquisadores da universidade de Göttingen, na Alemanha, corroboram esses dados e denunciam uma preocupação global com esse avanço. Para a médica esse aumento tem uma clara associação a esse estilo de vida dos jovens que passam horas em Smartphones, computadores e tablets.

Para quem vive nos grandes centros urbanos, as chances são ainda maiores. Evidente, pois, quanto maior a cidade, maior acesso à tecnologia e comodidades da vida moderna esses jovens terão. Mas não é somente por isso! São nessas cidades em que os níveis de exigência das escolas são maiores e onde os empregos que se utilizam de alta tecnologia estão. Ou seja, são locais onde as pessoas naturalmente passam maior parte do dia em espaços fechados, utilizando tecnologias com grande intensidade para todas as suas tarefas.

Para a responsável técnica da clínica oftalmológica Insight, o peso dessas análises deve ser convertido em reavaliação do estilo de vida dessas crianças, muitas das vezes aprovados pelos pais: “quantas vezes já não vimos uma criança acostumada a somente se acalmar em troca de um smartphone emprestado pelos pais? Celulares viraram verdadeiras babás eletrônicas. Pior, cada vez mais cedo esses aparelhos se tornaram presentes para as crianças.” A ideia defendida pela médica não é radicalizar uma proibição de acesso dos filhos aos aparelhos e sim sensibilizar os pais para que busquem construir em seus filhos outras rotinas, com uma maior qualidade de vida e hábitos mais saudáveis para o desenvolvimento das crianças. Uma pesquisa publicada como tese de mestrado em 2014 na Universidade de Minho, em Portugal, observou uma clara relação entre horas de estudo e as variações ocorridas no comprimento axial e no erro refrativo. O mesmo fenômeno é atribuído pelo uso de dispositivos móveis. 

Os males causados pela miopia, quando não é diagnosticada ou corrigida são severos. Em estágio avançado, pode acarretar degenerações na retina e até mesmo perda da visão. Mais uma vez a Oftalmologista Renata Alves avalia: “a miopia compromete a qualidade de vida de seus portadores, que precisam adaptar-se ao uso de óculos, lentes de contato ou se submeterem a procedimentos como a cirurgia refrativa para contornar o problema. De todo modo, sempre reforço nos meus atendimentos que o caminho mais assertivo é o da prevenção com o acompanhamento de um oftalmologista”.

Portanto cabe a orientação da Dra. Renata Alves, chamar aos pais a responsabilidade de  cuidar da prevenção dos pequenos. A dica é simples: um pouco menos de tempo na internet e um pouco mais de atividades ao ar livre para que cresçam saudáveis!Fontes consultadas: https://repositorium.sdum.uminho.pt/handle/1822/30261https://europepmc.org/abstract/med/29270929

Website: http://www.clinicaoftalmo.com.br

Via iCrowdNewswire
Tags: , Wire
View Related News >