x

RSS Newsfeeds

See all RSS Newsfeeds

Global Regions

Global Regions ( XML Feed )

Jan 26, 2016 3:45 EST

Bancos se unem para criar gestora de inteligência de crédito

iCrowdNewswire - Jan 26, 2016

 

 

Bancos se unem para criar gestora

de inteligência de crédito

Banco do Brasil, Bradesco, Caixa Econômica Federal, Itaú Unibanco e Santander assinam memorando para formar empresa gestora de inteligência de crédito

 

A FEBRABAN – Federação Brasileira de Bancos informa que Banco do Brasil, Bradesco, Caixa Econômica Federal, Itaú Unibanco e Santander assinaram memorando de entendimento não vinculante para a criação de uma empresa gestora de inteligência de crédito, que permitirá ao setor bancário e demais instituições de crédito aprimorar a capacidade de análise e gestão de suas carteiras de empréstimos, tanto de pessoas físicas como jurídicas.

 

Mediante autorização prévia dos clientes, as instituições de crédito repassarão dados cadastrais e de crédito de pessoas físicas e jurídicas à gestora de inteligência de crédito, que formará um perfil desses clientes. No longo prazo, a criação da gestora proporcionará melhores condições na oferta e maior agilidade na liberação de operações de crédito com prazos e parcelas mais adequados à capacidade de pagamento e ao perfil de cada cliente.

 

“A gestora de inteligência de crédito abrirá oportunidades para desenvolver novas ferramentas que melhorem a eficácia das tomadas de decisões de crédito e de sua precificação, contribuindo também para a disseminação de boas práticas no mercado”, afirma Murilo Portugal, presidente da FEBRABAN. “No longo prazo, informações ampliadas e consolidadas provenientes da nova empresa favorecerão o crescimento do crédito em geral e beneficiarão toda a economia”, acrescenta Portugal.

 

Espera-se que a gestora de inteligência de crédito e o consequente aperfeiçoamento da análise e gestão do crédito contribuam, no futuro, para a queda de spreads, da inadimplência e do superendividamento de clientes, o que trará benefícios para todos os consumidores. Com melhores condições de crédito, será possível ampliar o acesso da população às linhas de crédito disponíveis nas instituições financeiras.

 

A assinatura do memorando de entendimento não vinculante entre os bancos para a criação da nova empresa representa um passo importante no esforço do setor bancário para melhorar o ambiente de crédito e contribuir, assim, com o desenvolvimento econômico sustentável do País.

 

A iniciativa dos bancos será baseada nos mais altos padrões de ética e qualidade, visando garantir a proteção dos direitos dos consumidores. Para desenvolver e implementar a plataforma tecnológica e analítica da gestora de inteligência de crédito, foi contratada a empresa global LexisNexis® Risk Solutions, com 30 anos de atuação nesse tipo de negócio.

 

A LexisNexis® Risk Solutions é uma reconhecida fornecedora global de soluções de análise e gerenciamento de riscos, que ajuda a avaliar o risco, verificar e autenticar a identidade, prevenir fraudes, cumprir com a legislação e apoiar a aplicação da lei.

 

“Estamos honrados por termos sido selecionados pela FEBRABAN e pelos maiores bancos brasileiros para implementar o que, acreditamos, será uma gestora de inteligência de crédito cujo exemplo outros consórcios de bancos desejarão seguir”, disse Rick Trainor, CEO de Serviços para Empresas da LexisNexis® Risk Solutions. “Esperamos que a iniciativa da FEBRABAN incite outros países e grupos de indústrias a seguir o mesmo caminho de uso da tecnologia avançada para gerar progresso e estimular o crescimento econômico”, acrescentou o vice-presidente sênior para Serviços Financeiros da LexisNexis® Risk Solutions, Thomas C. Brown.

Entre as razões que levaram os bancos a considerar a criação de uma gestora de inteligência de crédito estão a expertise do setor bancário na gestão de informações oriundas do sistema financeiro, que permite aos bancos melhor conhecimento de seus clientes, e o rigor nos procedimentos para garantir a segurança de dados, conforme a Lei de Sigilo Bancário.

 

A partir da assinatura do memorando de entendimento não vinculante entre os bancos, estima-se que a nova empresa levará cerca de quatro anos para realizar a estruturação tecnológica e geração de dados que viabilizem a operação.

Contact Information:

FEBRABAN – Federação Brasileira de Bancos
Diretoria de Comunicação
11 3244-9831/9942
Twitter: @febraban
[email protected]

Via iCrowdNewswire
View Related News >
support